Conheça a operação especial da Ultragaz durante a Covid-19 | Ultragaz Revendas
Conheça a operação especial da Ultragaz durante a Covid-19

Ideias e Negócios

Conheça a operação especial da Ultragaz durante a Covid-19

Conheça a operação especial da Ultragaz durante a Covid-19

O início da pandemia de Covid-19 impôs uma série de desafios à Ultragaz: precisava garantir o fornecimento de um bem de consumo essencial, o GLP, mesmo com um aumento exponencial da demanda, e, ao mesmo tempo tinha o compromisso de preservar a saúde dos seus colaboradores e de toda a cadeia ligada a ela: fornecedores, revendedores e, na ponta final, os clientes.

Para ampliar a capacidade de produção da companhia de forma a atender à demanda extra da sociedade, a companhia montou uma operação especial, que contou com horário estendido de trabalho, ampliação dos dias úteis da semana, remanejamento da equipe logística e criação de times extras para ampliar a capacidade de engarrafamento dos botijões.

Clique aqui e ouça a entrevista de Aurélio Ferreira, diretor de desenvolvimento da Ultragaz:

Ultragaz Oficial · Conheça a operação especial da Ultragaz durante a Covid – 19

Protegidos e ativos

A questão da proteção humana foi o primeiro pilar de toda a operação especial montada pela empresa para atravessar a crise causada pela Covid-19. As áreas que podiam rapidamente entraram em home office e, nas bases, colaboradores do grupo de risco foram afastados. “Precisávamos preservar duas coisas: a saúde de todos e o fluxo na operação deste serviço essencial. Houve um grande esforço de comunicação para reforçar as orientações de higiene e segurança com todos os públicos, inclusive com revendedores, para os quais distribuímos, só na Grande São Paulo, 50 mil máscaras e 10 mil frascos de álcool em gel, a fim de que reproduzissem cuidados com seus funcionários no atendimento aos clientes”, relembra Aurélio Ferreira, diretor de desenvolvimento da Ultragaz.

O momento também fez com que os planos de lançamento de um aplicativo que permitisse ao cliente comprar gás de cozinha sem sair de casa fossem acelerados. O Ultragaz APP foi lançado no início de abril e já havia sido utilizado, até o início de junho, por mais de 140 mil clientes. “A estratégia e a necessidade convergiram. Conseguimos oferecer uma solução para o consumidor ter acesso ao produto sem se expor aos riscos da Covid-19”, comenta o executivo.

Desafio logístico na crise de Covid-19

No início da pandemia, o medo da população com a Covid-19 levou a um comportamento de compra antecipada de vários produtos, dentre eles o GLP, conhecido como gás de cozinha. A Ultragaz registrou um crescimento de 40% a 50% nas vendas por meio de seus vários canais, inclusive as revendas, algo que nunca tinha ocorrido. “É uma situação atípica que levou a população a reagir da mesma forma. É compreensível. Mas o sistema é todo equilibrado em termos de fluxo logístico, e um aumento desta dimensão gera impactos. Tínhamos gás, mas não para um pico como o que foi registrado. Especialmente porque as refinarias haviam reduzido sua produção. Então, com o aumento da procura, veio uma redução da oferta”, explica Ferreira.

De duas a três semanas depois do início do período de isolamento social, o abastecimento voltou à normalidade. “Nossos revendedores foram abastecidos diariamente, ainda que não no volume ideal. Juntos, fizemos um importante trabalho educativo com os consumidores de que não havia necessidade de estocar. Os nossos revendedores colaboraram muito, a parceria mais uma vez se confirmou e conseguimos mostrar a força e a responsabilidade da marca Ultragaz.”

LEIA MAIS: Revendas Ultragaz aumentam vendas e base de clientes na crise

Também neste período houve a criação de um Comitê de Revendas para aproximar empresa e revendedores e intensificar a troca de informações sobre gargalos e sugestões.

Adaptações na operação durante crise de Covid-19

Além de todo o esforço para conseguir o produto e transportá-lo, a Ultragaz também fez alterações em sua operação para ampliar a capacidade de produção. “Trabalhamos com ativos bem acima da capacidade normal para repor os estoques das revendas, que estavam na linha de frente do atendimento à população”, diz Aurélio Ferreira, diretor da companhia.

Helio Menezes, gerente de mercado domiciliar da Grande São Paulo, conta que houve a criação de uma terceira equipe no engarrafamento dos botijões. Dessa forma, foi possível aumentar a capacidade diária de envase de 24 mil garrafas para 32 mil. Também ocorreu a ampliação do horário de trabalho em duas horas para atendimento à demanda extra. E a semana útil foi estendida, com expediente também em alguns domingos e feriados para suprir as revendas diariamente.

“Promovemos um remanejamento da equipe logística para maximizar o atendimento às áreas mais concorridas. É uma engrenagem, por isso movimentamos toda a estrutura que está de alguma forma ligada a este fluxo. É uma grande satisfação para nós ter conseguido superar mais essa crise”, finaliza Menezes.

Apoio à sociedade

O novo propósito definido pela empresa em 2019 – “usamos nossa energia para mudar a vida das pessoas” – fez completo sentido neste momento, como explica Aurélio Ferreira, diretor de desenvolvimento. “É um propósito que reflete nosso papel social e que foi posto em ação para guiar todas as decisões da companhia”.

Por isso, a operação especial Covid-19 naturalmente envolveu também a parte social. Por meio das revendas, a Ultragaz realizou a doação de 650 mil pedras de sabão biodegradável a famílias de São Paulo, Mato Grosso do Sul, Rio de Janeiro e Ceará. Em Salvador e São Paulo, houve doações de cestas básicas a comunidades locais. Foi também em São Paulo que ocorreu a doação de 8 mil botijões de gás e cerca de 7 mil quilos de sabonete a comunidades menos favorecidas.

O apoio às estruturas de saúde também faz parte do investimento social realizado pela empresa na crise de Covid-19: houve a doação de R$ 1 milhão para a construção de um hospital de campanha e da estrutura de abastecimento de GLP para a implementação de outros quatro hospitais, também de campanha, em São Paulo e Salvador.

Clique no banner e conheça todas as etapas e caminhos que o GLP percorre até chegar ao estoque de botijão das revendas de forma tão ágil.


Comentários

  1. Aparecida Rondon

    Boa noite!! Quero trabalhar como revendedor de gás. O que preciso fazer?

    1. Administrador Ultragaz

      Olá Aparecida. Você quer abrir uma revenda de gás da Ultragaz? Baixe esse e-book gratuito e saiba como!
      E-book: Passo a passo para abrir uma revenda de gás

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.